A Silly Season

Acabo de regressar da Galiza, onde passei, como vem sucedendo na última dúzia de anos, as...

Pobreza e Direitos Humanos

Comemora-se neste ano de 2008 o 60º aniversário da aprovação da...

Emergência social

A gente pergunta: os senhores deputados e os próprios governantes e/ou candidatos a governantes...

Abaixo o Aleixo!

Com o intuito de realizar uma reportagem pude visitar a torre 1 do bairro do Aleixo, no Porto, onde funciona,...

Sob o signo do Sol

Foi finalmente assinado o Protocolo de Cooperação para 2008.Está sol, é...

Dar voz e poder aos pobres

Ao olhar para o que é ainda hoje a extensão da pobreza e a sua gravidade, o agravamento de...

Mais ou menos, nem muito nem pouco, assim-assim

Desde 1981 a World Values Survey e a Universidade de Michigan, instituições presumivelmente...

As siglas

Prefiro as siglas da igreja de Ermida do Paiva, debruçada sobre o vale do rio, edificada por dois...

Credibilidade em crise

Portugal está a viver um momento especialmente complexo da sua história! Depois da...

31 de Maio – Dia das Misericórdias

A propósito do Dia das Misericórdias, assinalado no dia 31 de Maio, pelo papel...

O Senado

A ter de haver Governo, prefiro os governos fracos: são mais atenciosos – e mais atentos -, batem...

Justiça Divina

Já por várias vezes Ferreira Torres disse acreditar na justiça divina quando está...

QREN: AGORA OU NUNCA!

Os últimos 15 dias têm trazido para a comunicação social e para o debate/combate...

As Listas

Já aqui lembrei, na crónica anterior, que nesta Primavera de 2008 se cumprem 50 anos sobre a...

Quando o trabalho mata!

O senhor Manuel mata-se a trabalhar. Nasceu em 1951 e hoje tem, portanto, 57 anos. Na altura em que o...

opinião

PADRE JOSÉ MAIA

Depoimento...
Acompanhei, com a maior atenção, a cerimónia pública (apesar de pouco publicitada pela comunicação social) da assinatura do COMPROMISSO DE COOPERAÇÃO...

opinião

ANTÓNIO JOSÉ DA SILVA

Os riscos dos referendos
Aparentemente, o regime político perfeito seria aquele cuja prática fosse sempre a da democracia directa. Na impossibilidade comprovada de isso acontecer, sobra o recurso à...