OPINIÃO

Iniquidades

O barómetro social vai emitindo para a opinião pública sinais preocupantes de...

OPINIÃO

Os Jogos e a Televisão

A cerimónia de abertura dos Jogos Olímpicos veio confirmar que poucas cidades no mundo podem...

OPINIÃO

Sonhos e desilusões

A política é um terreno extremamente propício, talvez o mais propício, aos sonhos...

OPINIÃO

Concertação solidária?

No debate da moção de censura ao Governo, apresentada pelo Partido Comunista e discutida no...

OPINIÃO

FRÁGEIS

Uma visita semântica e concetual ao vastíssimo leque de palavras que, em cada tempo e lugar,...

Ética e Poder

É preciso uma paciência de Job para se poder viver em Portugal, em face de tantas e tão...

OPINIÃO

Erros de comunicação

Um bom político não tem de ser, necessariamente, um grande comunicador, mas um mau comunicador...

OPINIÃO

Variações sobre o segredo

(...) Conhecer os segredos dos outros sempre foi uma ambição e uma tentação muito...

OPINIÃO

Direitos dos pobres ou deveres dos ricos?

Dizer aos mercados financeiros que, em Portugal, os parceiros sociais são mansos e o povo...

OPINIÃO

A semana de ouro

Escrevo esta crónica entre o 25 de Abril e o 1º de Maio.Trata-se da semana de ouro do nosso...

OPINIÃO

"A regra de latão"

(...) Há ainda um ponto que, não constando do pacote da legislação laboral, tem...

OPINIÃO

Riqueza e fraqueza civilizacional

Os últimos ataques terroristas levados a cabo em França permitem concluir, com alguma...

OPINIÃO

Conviver com as adversidades

As celebrações quaresmais e pascais, apesar de um progressiva laicização das...

OPINIÃO

Honduras: Regresso ao mapa

O impacto das tragédias na opinião pública internacional é sempre relativo. O...

OPINIÃO

Banco de Terras

Num tempo em que a simples palavra austeridade assusta (tanta que ela é), começar a falar-se de...

opinião

JOSÉ A. DA SILVA PENEDA

A indisfarçável ausência de planeamento na gestão da pandemia
O medo instalou-se. É indisfarçável. Os números das últimas semanas anunciam o pior e as entidades oficiais confirmam. Teme-se a rotura nos hospitais. Entretanto, perante...

opinião

JOSÉ LEIRIÃO

Os dias passam e a incerteza permanece acerca do futuro na saúde e na economia e no emprego
A informação e as diferentes medidas tomadas pelos vários países na União Europeia são diferentes e, em muitos casos, contraditórias. Isto demonstra a falta...