OPINIÃO

Manifestos e Manifestações

Que inspiração excepcional terá conferido às nossas elites económicas esta súbita percepção tão apurada de fenómenos de crise que não conseguiram identificar e acautelar, vários deles enquanto governantes, a ponto de só agora se terem dado conta do que há muitos anos vem acontecendo no país?
Ficámos a saber que, na base das mesmas teorias económicas e com ventos a soprar das direitas como das esquerdas, há soluções para todos os gostos!
Enquanto os académicos nos brindam com as suas doutas análises, a comunicação social vai apresentando cada dia mais casos concretos de muita gente, cada vez mais gente, que luta desesperadamente pelo acesso a direitos sociais que a Constituição prevê, mas os governantes não têm sido capazes de garantir!

Quem sabe se a “grata surpresa” de, em 24 horas se ter conseguido alcançar o que durante onze meses não foi possível: um consenso para nomear um Provedor da Justiça…poderá constituir um “sinal milagroso” da classe política junto do eleitorado, dando a entender que iguais consensos se poderão conseguir na economia, na justiça, na segurança social e até na educação?

Afinal, parece que “o povo ainda ordena” e com uma simples x num boletim de voto pode fazer acontecer o que nem as maiorias absolutas são capazes de fazer cumprir!
Para a classe política, talvez mais que os manifestos, assustem as manifestações de descontentamento que desembocam em votos lançados nas urnas eleitorais!

Viva o Povo!

Padre José Maia

 

Data de introdução: 2009-07-10



















editorial

Confiança e resiliência

(...) Além disso, há um Estado que muito exige das Instituições e facilmente se demite das suas obrigações. Um Estado Social não pode transferir responsabilidades para as Instituições e lavar as mãos quanto...

Não há inqueritos válidos.

opinião

José Leirião

A necessidade de um salário mínimo decente
Os salários, incluindo os salários mínimos são um elemento muito importante da economia social de mercado praticada na União Europeia. Importantes disparidades permanecem...

opinião

JOSÉ A. DA SILVA PENEDA

Muitos milhões de euros a caminho
O País tem andado a ouvir todo um conjunto de ideias com vista a serem aproveitados os muitos milhões de euros provenientes da Europa. Sobre o que é preciso fazer as coisas parecem...