SINDICATOS DA FUNÇÃO PÚBLICA

Greve a 15 de Julho

A Frente Comum de Sindicatos da Administração Pública agendou uma greve para o dia 15 Julho, contra o congelamento das progressões de carreiras e o aumento da idade de reforma no sector. A decisão foi tomada numa cimeira dos sindicatos da Frente Comum realizada em Lisboa.

A greve dE DIA 15 segue-se à manifestação decorrida no passado dia 17, organizada também pela Frente Comum de Sindicatos da Administração Pública, e que teve como objectivo contestar o congelamento das progressões das carreiras e a alteração do estatuto de aposentação dos funcionários do Estado.

Na origem do protesto está ainda a desvalorização salarial e as restantes medidas anunciadas pelo Governo como forma de combate ao défice público, nomeadamente a redução do apoio na doença, o aumento de anos de serviço para efeito de aposentação e a implementação do novo sistema de avaliação de desempenho.

 

Data de introdução: 2005-06-28



















editorial

As amas em Creche Familiar

Publica-se neste número do “Solidariedade” o texto do acordo com a FSUGT, na parte que contempla também os novos valores de remunerações acordado para vigorar a partir de 1 de janeiro de 2024.

Não há inqueritos válidos.

opinião

EUGÉNIO FONSECA

A propósito do contributo da CNIS para as próximas eleições
É já tradição que as organizações de diferentes âmbitos, aproveitem os atos eleitorais para fazerem valer as suas reivindicações mais...

opinião

PAULO PEDROSO, SOCIÓLOGO, EX-MINISTRO DO TRABALHO E SOLIDARIEDADE

Cuidar da democracia
Neste ano vamos a eleições pelo menos duas vezes (três para os açorianos), somos chamados a renovar o nosso laço político com a comunidade, escolhendo...