ATé 31 DE MARçO DE 2012

Prémio Damião de Góis de Empreendedorismo Social tem valor de 10 mil euros

As candidaturas, integrando projectos ou trabalhos de investigação, ao Prémio Damião de Góis de Empreendedorismo Social poderão ser entregues durante os próximos dias, com o limite de 31 de Março de 2012, e estão abertas a sociedades civis ou comerciais, associações, instituições, assim como a Universidades ou Instituições de Ensino Superior que, no âmbito da sua actividade, contribuam para o progressivo cumprimento dos direitos humanos e para as melhores práticas de empreendedorismo e de responsabilidade social em Portugal.

O Prémio é promovido pela Embaixada do Reino dos Países Baixos em Lisboa e pelo Instituto Português de Corporate Governance e visa actividades já executadas, ou em desenvolvimento e tem o valor pecuniário de 10.000,00€ (dez mil euros).

As candidaturas submetidas serão avaliadas por um júri composto pelos Presidente da Câmara de Comércio Portugal-Holanda, Eric Van Leuven; o Presidente da CIP - Confederação Empresarial de Portugal, António Saraiva; o Director Geral da COTEC Portugal, Professor Daniel Bessa; Presidente da ENTRAJUDA, Isabel Jonet; e Director Editorial do Dinheiro Vivo, André Macedo.

Para informação mais detalhada, convidamos V. Ex.as a consultar o Regulamento do Prémio e toda a informação em www.damiaodegois.cgov.pt.

 

Data de introdução: 2012-03-26



















editorial

OE 2018 e outros orçamentos

Porque os orçamentos de Estado se processam em cadeia, publicado um, logo se impõe que se comece a pensar no seguinte... Se o de 2018 poderia ser mais proactivo, até porque a conjuntura económica parece favorável e é um orçamento...

inquérito

O Orçamento de Estado para 2018 é favorável ou prejudicial ao funcionamento das IPSS?

opinião

PADRE JOSÉ MAIA

Canteiros de paz em cenário de guerra
À medida que nos aproximamos do Natal, vamos sendo inundados por imagens e mensagens que despertam em cada pessoa, em cada família e em cada comunidade humana, sentimentos e...

opinião

ANTÓNIO JOSÉ DA SILVA

A dúvida que permanece
Parece que, desta vez, é verdade: aos noventa e três anos de idade, Robert Mugabe deixou de ser o chefe de estado mais velho do continente africano e um dos mais velhos do mundo. Depois de...