ATé 31 DE MARçO DE 2012

Prémio Damião de Góis de Empreendedorismo Social tem valor de 10 mil euros

As candidaturas, integrando projectos ou trabalhos de investigação, ao Prémio Damião de Góis de Empreendedorismo Social poderão ser entregues durante os próximos dias, com o limite de 31 de Março de 2012, e estão abertas a sociedades civis ou comerciais, associações, instituições, assim como a Universidades ou Instituições de Ensino Superior que, no âmbito da sua actividade, contribuam para o progressivo cumprimento dos direitos humanos e para as melhores práticas de empreendedorismo e de responsabilidade social em Portugal.

O Prémio é promovido pela Embaixada do Reino dos Países Baixos em Lisboa e pelo Instituto Português de Corporate Governance e visa actividades já executadas, ou em desenvolvimento e tem o valor pecuniário de 10.000,00€ (dez mil euros).

As candidaturas submetidas serão avaliadas por um júri composto pelos Presidente da Câmara de Comércio Portugal-Holanda, Eric Van Leuven; o Presidente da CIP - Confederação Empresarial de Portugal, António Saraiva; o Director Geral da COTEC Portugal, Professor Daniel Bessa; Presidente da ENTRAJUDA, Isabel Jonet; e Director Editorial do Dinheiro Vivo, André Macedo.

Para informação mais detalhada, convidamos V. Ex.as a consultar o Regulamento do Prémio e toda a informação em www.damiaodegois.cgov.pt.

 

Data de introdução: 2012-03-26



















editorial

MANTER E APROFUNDAR A INTERVENÇÃO DAS IPSS (por João Carlos Dias)

Depois do importante papel que desempenharam, decisivo para suportar as consequências da grave crise que vivemos e ainda sem tempo de recuperar do esforço despendido, as IPSS são confrontadas com novos desafios que não escolheram, mas que terão...

inquérito

O Orçamento de Estado para 2017 é favorável ou prejudicial ao funcionamento das IPSS?

opinião

PADRE JOSÉ MAIA

Não há idade para trabalhar
Ora cá está uma boa notícia, que não tem de meter política, daquela política politiqueira: a idade não é obstáculo para encontrar trabalho!As...

opinião

ANTÓNIO JOSÉ DA SILVA

Carros e camiões: a nova arma do terrorismo
O recente atentado de Westminster veio confirmar a impossibilidade, de uma vitória definitiva no combate ao terrorismo. Os grandes responsáveis pela política mundial não se...