APCC – ASSOCIAÇÃO DE PARALISIA CEREBRAL DE COIMBRA

António Marques sagra-se campeão nacional de boccia em Espinho

A consagração de António Marques como campeão nacional da categoria BC1 foi o maior destaque da participação da APCC no Campeonato Nacional de Boccia – Individuais 2017/2018, que se disputou em Espinho. Trata-se de mais uma extraordinária prova de longevidade daquele que é o jogador que há mais tempo compete em provas internacionais em todo o mundo.
Oliveirinha, como é conhecido no mundo do boccia, é o praticante mundial mais medalhado em Jogos Paralímpicos (sete vezes nessa modalidade e uma em atletismo), somando no total quase duas dezenas de medalhas em grandes competições internacionais em representação de Portugal.
António Marques, que nasceu em Aveleira (Penacova) há 54 anos e é utente da APCC desde os 14, logrou, juntamente com o companheiro de equipa Ricardo Ferreira (BC3), o apuramento para as eliminatórias depois de uma fase de grupos em que houve bastante competitividade e equilíbrio entre os diversos atletas.
A equipa que representou a APCC integrava ainda José Miguel Morgado, Liliana Ferreira, Raquel Miranda (todos em BC3) e Diogo Sacramento (BC4).
Nota ainda para a entrega a Liliana Ferreira do troféu de campeã regional, título que havia conquistado no início de maio.
Nessa prova, a APCC conquistou 12 medalhas – três em BC1, uma em BC2 (da 2ª Divisão), seis em BC3 (quatro no primeiro escalão e duas no segundo) e duas em BC4 –, às quais se junta agora a medalha de ouro nacional de António Marques.
O Campeonato Nacional de Boccia – Individuais 2017/2018 teve lugar nos dias 26 e 27 de maio, na Nave Polivalente de Espinho. Participaram 84 atletas, em representação de 24 clubes e instituições, qualificados através dos resultados obtidos nos Campeonatos Regionais e das posições no Ranking Nacional de Boccia.
A organização foi da PCAND – Paralisia Cerebral Associação Nacional de Desporto, com a colaboração da autarquia espinhense.
O boccia é uma das várias modalidades desenvolvidas pelo Departamento de Educação Física e Desporto da APCC. Há mais de três décadas que vários atletas competem em provas nacionais e regionais em representação da instituição, com muitos títulos conquistados.

 

Data de introdução: 2018-05-29



















editorial

Os pobres e as Instituições de Solidariedade

(...) Se o Sector Social e Solidário é um muito importante pilar do Estado Social, corre sérios riscos de colapso porque o Estado não está a corresponder às expectativas criadas aquando da celebração do Pacto de...

Não há inqueritos válidos.

opinião

ANTÓNIO JOSÉ DA SILVA

América Latina: uma outra deriva?
Em democracia, nada é definitivo. E nada é definitivo, porque a democracia pressupõe a realização cíclica de eleições, e os resultados dessas...

opinião

PADRE JOSÉ MAIA

Greves e serviços mínimos...
Após um longo tempo de quase ausência de greves, proeza atribuída às políticas de reversão de direitos dos trabalhadores e, em geral, de todos os portugueses...