VAGA DE FRIO

Cuidado com o frio!

Usar roupa quente, calçado adequado, vedar portas e janelas e evitar actividades físicas intensas. É esta a fórmula de resistência ao frio, recomendada pelo Serviço Nacional de Protecção Civil. Usar várias camadas de roupa, em vez de uma única peça de tecido grosso, e evitar roupas muito justas ou que façam transpirar, são algumas das recomendações da Protecção Civil para situações de descida da temperatura. Vedar portas e janelas por onde possa entrar o frio é outro dos conselhos.

"O ar frio não é bom para a circulação sanguínea. Evite actividades físicas intensas que obrigam o coração a um maior esforço e podem até conduzir a um ataque cardíaco", adverte a Protecção Civil. Devem fazer-se pequenos exercícios com os braços, pernas e dedos para manter a circulação sanguínea. "Se tiver de sair de casa proteja a cabeça, utilizando um chapéu ou gorro, e nas mãos use luvas. Mantenha as roupas secas, evitando perdas de calor", recomenda a Protecção Civil.

Em casa, as recomendações são para ter cuidado com as lareiras em locais fechados e sem renovação de ar, uma vez que a combustão pode originar a produção de monóxido de carbono, um gás mortal. "Tome também cuidado com os aquecedores, devido ao risco de acidentes domésticos", diz a Protecção Civil.

As temperaturas vão baixar acentuadamente a partir de segunda- feira no território continental português, devido à influência de uma massa de ar muito frio, de origem polar, segundo o Instituto de Meteorologia. O tempo frio vai durar até quinta-feira (inclusive), na sequência da influência desta massa de ar, associada a um anticiclone localizado a Oeste da Irlanda.

Esta situação meteorológica vai provocar uma descida acentuada da temperatura do ar, atingindo os mais baixos quarta e quinta-feira. O frio vem acompanhado de vento, de Norte e Nordeste, moderado e temporariamente forte, "o que se traduzirá numa sensação de frio intenso", disse o Instituto de Meteorologia. "O vento furta a energia gerada pelo corpo, originando a sensação de frio".

A temperatura mínima poderá atingir valores entre menos sete e menos 10 graus nos locais mais elevados, "prevendo-se mesmo valores abaixo de zero nas regiões próximas do litoral", acrescentou. A temperatura máxima não deverá ultrapassar os cinco graus nas regiões do interior Norte e Centro e no restante território 10 graus. Em todo o continente haverá formação de gelo e geada.

 

Data de introdução: 2005-01-29



















editorial

O COMPROMISSO DE COOPERAÇÃO: SAÚDE

De acordo com o previsto no Compromisso de Cooperação para o Setor Social e Solidário, o Ministério da Saúde “garante que os profissionais de saúde dos agrupamentos de centros de saúde asseguram a...

Não há inqueritos válidos.

opinião

EUGÉNIO FONSECA

Imigração e desenvolvimento
As migrações não são um fenómeno novo na história global, assim como na do nosso país, desde os seus primórdios. Nem sequer se trata de uma realidade...

opinião

PAULO PEDROSO, SOCIÓLOGO, EX-MINISTRO DO TRABALHO E SOLIDARIEDADE

Portugal está sem Estratégia para a Integração da Comunidade Cigana
No mês de junho Portugal foi visitado por uma delegação da Comissão Europeia contra o Racismo e a Intolerância do Conselho da Europa, que se debruçou, sobre a...