CARTA ÀS INSTITUIÇÕES

Março de 2014

SENHOR (ª) PRESIDENTE

Comunicação mensal como simples contributo para manter todas as Instituições e todos os dirigentes informados e irmanados no mesmo espírito e na mesma determinação…
A informação favorece a comunhão. A comunhão reforça o Sector. O reforço consubstancia a esperança.

1. ASSEMBLEIA-GERAL

Com início às 9:45 horas do dia 22 de Março, Sábado, no Hotel Cinquentenário, em Fátima, decorrerá a assembleia-geral ordinária da CNIS, cuja Convocatória e Ordem de trabalhos seguem juntamente com esta Carta.
Seguem também: o "Relatório de Atividades" e as “Peças Finais de Apresentação de Contas” de 2013.

Convocada para as 11 horas do mesmo dia, decorrerá uma assembleia-geral extraordinária, para deliberar sobre uma proposta da Direção, de  aquisição de bens imóveis, - art.º 58º, 1, alínea d) do Estatuto das Instituições Particulares de Solidariedade Social, aprovado pelo Decreto-Lei nº 119/83, de 25 de Fevereiro.

As assembleias-gerais são momentos altos das Instituições. É de todo conveniente que compareça e que tudo faça para que também as assembleias-gerais da sua Instituição e da sua União Distrital ou Regional sejam muito concorridas. A participação nas assembleias-gerais favorece o envolvimento dos associados na vida das Instituições.

2. CNIS - SIRFTEX
PROTOCOLO DE COLABORAÇÃO


No dia 5 de Março foi celebrado um Protocolo entre a CNIS e a SIRFTEX- Comércio e Indústria.
Sem ónus para as Instituições ou para a CNIS, com este protocolo a SIRFTEX coloca à disponibilização da CNIS e das suas associadas as seguintes condições e vantagens:
1 – Acesso a todos os produtos da marca PISCIS em catálogo ou fora do catálogo anual, com ausência de limites de quantidade e ou volume de compras;
2 – É atribuído automaticamente à instituição associada da CNIS um plafond de compras no valor de 500,00 €, com prazo de pagamento igual a 60 dias a contar da data de fatura;
3 – Desconto automático de 5% sobre o preço base, em todos os produtos em catálogo da marca PISCIS;
4 – Acesso direto como cliente à plataforma digital da Loja On-Line da PISCIS, com as vantagens que esta modalidade comercial vai oferecendo ao longo do ano, com promoções e vendas de stocks;
5 – Atribuição de 0,5% do valor das vendas anuais resultantes da aplicação deste protocolo, valor aferido, validado e cobrado a 31 de Dezembro de cada ano civil, em produtos da marca PISCIS, a titulo de participação em campanha de solidariedade a organizar em conjunto com a CNIS.


3. RNCCI

Perspetiva-se a celebração de acordos de cooperação no âmbito da Rede Nacional de Cuidados Continuados em três períodos deste ano.
Estando a decorrer uma boa parceria com a União das Misericórdias, a CNIS está a desenvolver aturadas diligências para que as IPSS não fiquem para trás. Importa que as Instituições que estão a equipar-se para respostas de média e longa duração e convalescença mantenham a CNIS informada.

A RNCCI, que se constitui como um novo modelo organizacional criado pelos Ministérios do Trabalho e da Solidariedade Social e da Saúde, é formada por um conjunto de instituições públicas e privadas, que prestam cuidados continuados de saúde e de apoio social. Estas novas respostas promovem a continuidade de cuidados de forma integrada a pessoas em situação de dependência e com perda de autonomia.


Com os cumprimentos.


Porto, 6 de Março de 2014


O Presidente da CNIS

___________________
(Lino Maia, padre)

 

Data de introdução: 2014-03-10



















editorial

XXII GOVERNO CONSTITUCIONAL

(...) Sendo o Sector Social e Solidário um importante pilar do Estado Social e o principal agente na proteção social direta, estranha-se o quase desconhecimento da cooperação no programa do Governo já que as anteriormente citadas e...

Não há inqueritos válidos.

opinião

JOSÉ A. DA SILVA PENEDA

Sobre um pensamento de JORGE DE SENA
Este ano comemora-se o centésimo aniversário de Jorge de Sena que nos deixou uma obra colossal. É da sua autoria a seguinte frase: “A verdadeira dimensão do humano...

opinião

ANTÓNIO JOSÉ DA SILVA

América Latina: de novo em foco
Houve tempos em que a América Latina constituía um tema importante e recorrente no espaço que os Meios de Comunicação dedicavam à vida política...