AVEIRO DIGITAL

F3M desenvolve Processo Electrónico do Utente (PEU)

A F3M foi seleccionada como parceiro tecnológico do consórcio SAISS
(Sistema de Apoio às Instituições de Solidariedade Social) do projecto
Aveiro Digital para o desenvolvimento do PEU. 

Trata-se do primeiro projecto a nível nacional que visa a sistematização num único processo
de toda a informação existente numa instituição em relação a um utente:
administrativa, financeira, médica, física, psicológica, familiar, etc. 

Segundo Pedro Fraga, gerente da empresa bracarense, "trata-se de mais um
importante passo para consolidar a empresa como líder destacado no
fornecimento de software para o sector da economia social":
"No capítulo do software será a maior inovação até hoje efectuada em
Portugal no seio das IPSS, Misericórdias, Caritas, etc. Posso adiantar que, a curtíssimo
prazo, surgirão outros projectos verdadeiramente inovadores para este
sector".

A F3M, adianta Pedro Fraga, "prepara-se para fazer uma aposta significativa neste novo
projecto, até porque ele envolve um conceito base a reter: uma equipa
multidisciplinar de técnicos de várias instituições, do mundo
universitário, do ISSS e outras, aliaram-se a uma empresa tecnológica para
produzir algo de inovador e que irá funcionar num ambiente Web-based,
recorrendo às mais recentes tecnologias".

Aquele responsável detalha os últimos passos dados pela empresa: 
"Após o lançamento, no início do ano, do software de Gestão de Unidades de
Saúde preparado especificamente para a área social e do
sucesso que foi o lançamento em Junho da nova versão da linha WinIPSS
(Geração Inteligente), a F3M disponibiliza ao mercado uma linha
tecnologicamente avançada, constituída por 12 programas absolutamente
integrados. A partir da sua sede em Braga, onde conta com um total de
mais de 60 elementos, a F3M gere ainda uma rede de empresas
colaboradoras que dão assistência local em todo o país, rede essa
formada por mais de 100 técnicos".

Tudo somado, razões para satisfação: "2004 está a ser um ano amplamente positivo,
com um crescimento do volume de negócios superior a 20%, valor que se
deverá situar à volta de 3 milhões de euros no final do ano".

Para mais informações sobre o SAISS / Aveiro Digital clique aqui

 

Data de introdução: 2004-10-21



















editorial

As nossas diferenças potenciam a coesão e a união

Discurso do Presidente da Mesa da Assembleia Geral da CNIS, José Carlos Batalha, por ocasião da tomada de posse dos órgãos sociais para o mandato 2019-2022. 

inquérito

Que expectativa tem para o ano de 2019?

opinião

ANTÓNIO JOSÉ DA SILVA

Estados Unidos: a crise do orçamento e o muro
Que um governo norte-americano fique temporariamente inoperacional, por via da não aprovação do seu orçamento, não constitui propriamente uma novidade. Que uma crise...

opinião

PADRE JOSÉ MAIA

Obrigado, Padre Lino!
Ainda no rescaldo do sufrágio eleitoral na CNIS em que o Padre Lino Maia voltou a merecer, por voto secreto, a confiança das centenas de Instituições Particulares de...