OLIVEIRA DE AZEMÉIS

Santa Casa com valência residencial

Com dezassete quartos e cinco suites ao dispor dos interessados, a valência residencial da Santa Casa da Misericórdia vai albergar idosos de todo o país. 

Para arrancar, definitivamente, com as suas funções falta, apenas, um conjunto de equipamentos, nomeadamente cortinas, aparelhos para o ginásio, mobiliário, entre outros, e a comissão de fiscalização dar o edifício como apto para começar a receber os moradores, o que está previsto para dentro de dois meses, como adianta o provedor. A zona exterior é a mais atrasada, pois falta a construção de um aparcamento coberto e alcatroar a zona de acesso, o que pode atrasar a abertura da instituição. 

Orçada, inicialmente, em um milhão e duzentos mil euros, a obra, depois de finalizada, irá ultrapassar a quantia de um milhão e quinhentos mil euros. 

Fonte: Correio de Azeméis
Ler artigo na íntegra

 

Data de introdução: 2004-10-21



















editorial

Contratação Coletiva

(...) A opção por uma contratação coletiva de trabalho leal e responsável com os representantes dos trabalhadores tem constituído uma orientação sem desvios da nossa Confederação.

inquérito

O Orçamento de Estado para 2018 é favorável ou prejudicial ao funcionamento das IPSS?

opinião

Padre José Maia

Idosos sós, pobres, doentes
(...) Há muitos anos que as situações de pessoas idosas em situação de solidão e pobreza têm merecido das Instituições Particulares de...

opinião

ANTÓNIO JOSÉ DA SILVA

Tréguas Olímpicas?
De repente, o mundo parece ter respirado de alívio. É que a ameaça de um conflito militar na península da Coreia, se não foi completamente afastada, diminuiu claramente...