FÁTIMA

Jorge Sampaio abriu o II Congresso Nacional da CNIS

No seu discurso de abertura o Presidente da República identificou quatro características fundamentais da CNIS, provenientes das duas linhas orientadoras de acção social: a solidariedade e a co-responsabilidade solidária para com as pessoas.
A primeira característica consiste na relação personalizada dentro das instituições e na sua articulação com outras entidades. Em segundo lugar, Jorge Sampaio referiu a forma como estabelecem a justiça e os direitos sociais, tendo depois mencionado a responsabilidade pessoal e colectiva face aos problemas sociais. Como última característica, o Presidente da República destacou o desenvolvimento social no contexto do desenvolvimento integral.

Para Jorge Sampaio, o tema escolhido “Mais Pessoa, Mais Comunidade” é um forte apelo para que as IPSS sejam cada vez mais elas próprias e respondam cada vez melhor aos seus imperativos. Referiu-se ao congresso como um momento forte de perspectivação do futuro nestas matérias, cujos temas em debate irão permitir um aprofundamento e consistência do trabalho a realizar. Sublinhou a necessidade de cooperação institucional entre as instituições e o Estado.

O Presidente da República destacou ainda o papel fundamental da CNIS no desenvolvimento social do país e afirmou que esse papel poderia ser substancialmente mais alargado se a actividade da CNIS fosse articulada com as Uniões das Misericórdias e Mutualidades e com outras organizações do domínio social. Esta seria a forma ideal de congregar esforços para procurar soluções e optimizar os recursos disponíveis, disse.

 

Data de introdução: 2006-02-12



















editorial

Legislativas 2019

No contexto da pré-campanha eleitoral para as Eleições Legislativas de 2019 surgiram várias propostas e foram enunciadas algumas preocupações que conectam diretamente com o que são as competências e a tradição...

Não há inqueritos válidos.

opinião

JOSÉ A. DA SILVA PENEDA

A conetividade como condição de sobrevivência das instituições
O conceito que no século XX mais influência teve na economia global, no mundo do trabalho e na vida dos cidadãos foi a globalização. Embora não tenha sido a...

opinião

ANTÓNIO JOSÉ DA SILVA

A China e o desafio de Hong Kong
Já lá vão umas largas semanas sobre o início da crise social e política que atingiu Hong Kong, uma crise que, pelo menos aparentemente, ainda está longe de ter...