FESTA DA SOLIDARIEDADE - MENSAGEM DA SECRETÁRIA REGIONAL PARA A INCLUSÃO E ASSUNTOS SOCIAIS

Comprometimento com o Bem

Manifesto a minha maior satisfação em associar-me a estas iniciativas promovidas pela CNIS (Confederação Nacional das Instituições de Solidariedade) e pela UIPSS (União das Instituições Particulares de Solidariedade) e que, pela primeira vez, têm lugar nesta Região Autónoma.
Estas duas iniciativas – a Festa da Solidariedade e a Chama da Solidariedade – são exemplos de como as instituições conseguem fazer valer a sua disponibilidade, a sua imaginação e a sua criatividade, organizando ações que possibilitam dar visibilidade à sua ação e, em simultâneo, obter comparticipações que contribuam para a sua subsistência e permitam continuar com o trabalho que têm vindo a desenvolver em prol das populações mais vulneráveis.
O Povo Madeirense para além de resiliente, respondendo sempre nos momentos de catástrofe e de emergência, tem igualmente sabido ser solidário diariamente no apoio aos que mais precisam. Este comprometimento com o Bem, presente em pequenos e grandes gestos, sensibiliza e engrandece qualquer Ser Humano e honra-me enquanto Secretária Regional da Inclusão e Assuntos Sociais da Região Autónoma da Madeira, dando-me o privilégio de contar com cidadãos e com Instituições da Economia Social, exemplares na sua ação, e a quem aproveito para dirigir o meu apreço e o meu reconhecimento.
Associo-me à CNIS e à UIPPS e chamo à participação massiva nestas iniciativas, as instituições, os voluntários, os utentes, os colaboradores, os parceiros e todos os cidadãos, colaborando num acontecimento que muito nos enobrece e que contribuirá, certamente, para reforçar a ação dos vários agentes que intervêm no âmbito da solidariedade, unificando-os no espírito e envolvendo-os numa nobre missão em prol das causas sociais.

Rubina Leal (Secretária Regional da Inclusão e Assuntos Sociais)

 

Data de introdução: 2017-05-25



















editorial

Pela erradicação da pobreza

Outubro está associado à "Erradicação da Pobreza". Pela primeira vez em 1992, a data (dia 17) foi comemorada oficialmente com o objetivo de alertar a população para a necessidade de defender um direito básico do ser...

Não há inqueritos válidos.

opinião

António José da Silva

O fascínio do poder
O poder, seja este de que tipo for, exerce sempre algum fascínio sobre a maior parte dos homens, e entre os diversos tipos de poder que exercem maior fascínio, está certamente o poder...

opinião

Padre José Maia

Outubro: mês social
A circunstância de, no mês de outubro, se evocarem o Dia do Idoso (dia 1) e o Dia da erradicação da Pobreza (dia 17), inspirou-me a partilha com os leitores de SOLIDARIEDADE de...