ROTASS

Avaliação externa necessita colaboração das IPSS

No âmbito da candidatura ao Portugal 2020 para Capacitação Institucional das Organizações da Economia Social membros do Conselho Nacional para a Economia Social (CNES), a primeira medida implementada pela CNIS foi a criação do Gabinete de Apoio Técnico (GAT) para apoio às associadas.
Por força do normativo da candidatura, terá que haver uma avaliação externa das diversas atividades do projeto, tendo em vista a melhoria do mesmo e a concretização dos indicadores de realização contratualizados.
Assim, as instituições associadas da CNIS e que já contactaram com o GAT serão abordadas, via e-mail, pela Quaternaire Portugal – Consultoria para o Desenvolvimento SA, entidade contratada pela CNIS para a realização da avaliação do projeto.
No primeiro momento, a avaliação consiste na aplicação de dois questionários, um para as instituições que estiveram presentes nas Sessões de (in)Formação sobre as «Ações Inspetivas do ISS» e, outro, para as Instituições já apoiadas pelo Gabinete de Apoio Técnico.
A resposta das instituições a este inquérito, cuja confidencialidade está totalmente garantida, é extremamente importante para a melhoria do desenho do projeto pelo que a CNIS apela a todas as associadas contactadas à participação no mesmo. O inquérito é curto, com um número de questões reduzido, pelo que a resposta não tomará muito tempo. Os resultados serão exclusivamente utilizados no âmbito do projeto.

 

Data de introdução: 2017-02-03



















editorial

COOPERAÇÃO (Conclusões do Encontro Nacional)

A rede capilar de serviços sociais prestados pelas IPSS em todo o País, a todos, mas preferencialmente aos mais desprotegidos, desde o litoral urbano às periferias despovoadas do interior, corresponde a um mandato e possui um fundamento constitucional.

Não há inqueritos válidos.

opinião

ANTÓNIO JOSÉ DA SILVA

A América Central de novo em foco
Há uns anos atrás, alguns países da América Central motivaram um grande interesse da opinião pública internacional. Tudo porque ali se travava uma guerra, embora...

opinião

PADRE JOSÉ MAIA

“PORTUGUESES: satisfeitos com o governo …insatisfeitos com a VIDA”!
Foi exatamente esta a mensagem que o jornal PÚBLICO adotou, recentemente, como título de primeira página.